quinta-feira, 20 de agosto de 2020

.ASSISTA: HOMEM É MORTO A TIROS ENQUANTO FAZIA CAMINHADA EM PAULO RAMOS-MA



A vítima era moradora de Paulo Ramos. Até o momento não foi esclarecido quais as razões e os motivos que levaram ao assassinato de José Roberto dos Santos Oliveira, 30 anos, conhecido como “Zezin do Meruoca”. Ele não tinha passagens pela polícia, mas de acordo com informações de terceiros, já tinha tido desavenças com algumas pessoas e era ameaço de morte.

 

O crime aconteceu na tarde de quarta-feira (19), por volta das 17h40min, quando a vítima fazia atividade Fisica na MA008, próximo à Fazenda do Sr. Antônio Machado, estrada que liga Paulo Ramos-MA a Marajá do Sena-MA, prática rotineira.

 


Segundo informações repassadas ao 3° SGT PM Aleandro, SD PM Salazar e SD PM Gustavo, o autor dos disparos estava em uma motocicleta Honda/Bros, cor preta, sem placa, trajando uma camisa marrom e uma calça (jeans). O indivíduo tinha as seguintes características; moreno, estatura baixa, magro.

 

O assassino efetuou 2 disparos atingindo testa e ombro esquerdo José Roberto, que segundo o médico plantonista, chegando a óbito no local.

 

O corpo foi encaminhado para o Pronto Socorro Municipal, após isso foi comunicado a Polícia Civil para que sejam tomadas as devidas providências que o caso requer.


Reportagem Ray Lima.


Bomba caso menina de 10 anos: Homem diz que não é tio da menina e desmente a Policia


Théio de Oliveira

Published

  

on

 
tio da menina de anos grava vídeo
 
 
 

Na tarde dessa quarta-feia (19), já em custódia da policia o tio  da menina de 10 anos acabou  confessando que era culpado do crime. Ele foi encaminhado para a prisão no Norte do estado do Espírito Santo.

Ainda na quarta-feira, devido a grande repercussão dos  vídeos que trazia algumas  alegações do homem, o delegado do caso afirmou que não irá descartar a possibilidade de que novos exames de DNA sejam feitos. O objetivo é para que se comprove a veracidade da exposição feita pelo criminoso.

Nos vídeos que estão sendo divulgados pelas redes sociais, o criminoso desmente a mídia e algumas afirmações da Polícia Civil do estado do Espirito Santo Responsável pelo caso.

De acordo com as primeiras informações divulgadas quando o tio da menina de 10 anos foi preso, dizia que a “Polícia do Espírito Santo recebeu a informação  e foi até o local que o foragido da justiça estava escondido”.

No entanto, em um dos vídeos de apenas alguns segundos, o suposto tio da menina, afirma que ligou para a Polícia para se entregar, a fim de o caso fosse esclarecido e pediu teste de DNA para o avô da menina e o filho do idoso.

Ainda na  quarta, um dos  vídeos do homem foi divulgado nas redes sociais,  mais longo, ele afirma que não é tio de sangue da criança, e que são falsas as acusações de que ele vinha abusando da menina por 4 anos.

Segundo suas exposições, ele está livre da cadeia há apenas 2 anos e por isso, os abusos eram cometidos inicialmente pelo avô e tio de sangue. Novamente ele reforça o pedido para que esses outros dois integrantes sejam testados.

 

quarta-feira, 19 de agosto de 2020

Promulgada lei de Umbelino Junior que proíbe revista em supermercado após pagamento das compras no caixa



Foi promulgada pela Câmara Municipal de São Luís, a lei n° 6.702/2020 de autoria do vereador Umbelino Junior (PRTB), que proíbe os supermercados e similares de realizarem  conferência ou revista dos produtos adquiridos pelos clientes após o pagamento dos produtos no caixa.


Segundo a lei, a proibição deve valer para o comércio de mercadorias em geral, com predominância de produtos alimentícios, tais como: armazéns, mercearias, mercados, supermercados, hipermercados, atacadistas e similares. Os estabelecimentos deverão deixar claro a existência das regras que estão contidas na lei e que garantem ao cliente não passar por tal constrangimento.


De acordo com o autor da lei, a proposta foi apresentada por conta de inúmeras reclamações de consumidores que se sentiram constrangidos ao serem abordados para tais conferências de notas fiscais, na saída de alguns estabelecimentos.


“Não podemos permitir que os estabelecimentos promovam o constrangimento de seus clientes com esse tipo de ‘revista descabida’, essa atitude atinge a honra das pessoas. Acredito que existem outras formas até mais seguras de coibir possíveis roubos e furtos no interior das lojas, como a instalação de câmeras por exemplo”, avaliou Umbelino.


A lei ° 6.702/2020 já está em vigor na capital maranhense

sexta-feira, 14 de agosto de 2020

*A Ex Secretaria da Mulher de Santa Luzia do Paruá Faltou com a verdade*



A Senhora Glorinha estava há 57 dias afastado de suas atividades sem da uma Justificativa Válida, pois a ex Secretaria Mentiu 🤥 ao RH da Prefeitura, falando que estava com Covid19 e na verdade ela foi embora de Santa Luzia do Parua, para Canaã dos Carajás a onde se encontra construindo uma casa e seus esposo Trabalhando em uma Grande empresa, lembrando que nenhum Funcionário Público não pode passar mas que 15 dias afastado de suas atividades sem Justificativa Legal , só Lembrando que o Executivo aguardou uma Resposta há mas de 45 dias corrido mas a ex Secretaria nunca se manifestou.

quarta-feira, 12 de agosto de 2020

Acusado de matar namorada no Piauí é preso no interior do Maranhão


O suspeito de matar a adolescente Antonia da Silva do Carmo confessou o crime e alegou ciúmes, diz o delegado Thiago Silva, que investiga o caso. A vítima foi encontrada morta a tiros no último sábado (08) na cidade de Palmeirais, no Piauí. O suspeito, que era namorado da vítima, fugiu após o crime e foi preso um dia depois do homicídio em São Francisco do Maranhão.

“No interrogatório ele confessa a autoria delitiva. Coloca como motivação a suspeita de traição e ciúmes”, relata o delegado, que deverá finalizar o inquérito na sexta-feira (14). Testemunhas teriam visto o casal junto horas antes do assassinato. O suspeito foi identificado como Leandro Sousa, de 28 anos. Ele “deve ser indiciado por homicídio duplamente qualificado: 121, parágrafo 2°, IV e VI do Código Penal”, informa o delegado.

As mulheres vítimas de violência podem denunciar os seus agressores por meio do aplicativo Salve Maria ou ir até uma delegacia. Além disso, podem acionar a Polícia Militar e, em Teresina, buscar também pela Guarda Municipal

Mais visitadas