segunda-feira, 24 de junho de 2019

Em resposta a uma publicação em blog que é considerada mentirosa por professores do estado, direção escolar se diz vítima de armações atípicas da politicagem em SLP



Até o momento os alunos, os professores e a própria direção do Centro Educacional Professor Xavier não conseguem entender qual o real motivo de uma publicação intitulada: "Alunos são obrigados a realizar mutirão para limpar escola por falta de funcionário ".

Esclarecendo os fatos com exclusividade para o Blog do Luis Magno Alencar. foi repassado pela direção que a escola esteve funcionando até final de maio com apenas 1 zelador, e que a pesar disso, alunos nunca haviam se oferecido para limpar a escola. Nos turnos em que há as aulas, as salas estão sempre de acordo com a normas de atendimento de limpeza. Más, no último feriado, em um ato inesperado, alguns alunos pediram para limpar somente sua sala, a professora responsável disse a presidente da sala que não havia necessidade dessa faxina, sendo que esta é a última semana de aula e que a empresa vai realizar nas férias o trabalho de instalação dos ar condicionados e, que, certamente, irá sujar toda a sala com tal serviço de climatização. Mesmo sabendo que a escola já dispõe de uma zeladora a mais, disponibilizada pelo município desde dia 03/06/19 e que já está tudo combinado para realização de uma faxina antes do início das aulas, a tal aluna insistiu que queria fazer uma faxina na sala naquele dia 21/06/19. A aluna disse que já estava com os colegas na escola a espera de alguém para abrir a escola. A professora, então, diante da insistência da aluna, foi até a escola e deu todo material necessário para limpeza da sala.

“Portanto essa é a verdade. Alunos não são obrigados a limpar sua sala de aula. Não podemos admitir que tal fato mentiroso seja propagado. É injusto que não haja uma transmissão verdadeira dos fatos e por simples desejo de criar uma aparência de desordens, alguém se  dê a vergonhosa atitude de usar uma instituição escolar e os seus alunos para lucrar com politicagem. Isso é lamentável”, desabafou um dos docentes que preferiu não se identificar.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Mais visitadas